Análise: Por que Michel Araújo e Diego Costa isolaram os pênaltis? São Paulo eliminado pelo Novorizo

广告位火热招租中

Foi com emoção até o fim. São Paulo e Novorizontino fizeram um bom jogo no MorumBis, neste domingo, com o classificado sendo conhecido apenas na disputa de pênaltis após empate por 1 a 1. Melhor para o time de Novo Horizonte, que foi mais eficiente nas cobranças, venceu por 5 a 4 e garantiu vaga na semifinal do Campeonato Paulista.

Por que o São Paulo não conseguiu avançar?

A queda nas quartas de final repete o vexame do ano passado, quando o São Paulo também não conseguiu avançar à semifinal do Paulistão. Naquela oportunidade, o time foi eliminado pelo Água Santa, que era comandado por Thiago Carpini, também na disputa de pênaltis. O adversário do Novorizontino deve ser o Palmeiras, dono da melhor campanha da competição, em jogo único, no Allianz Parque.

Jogo entre São Paulo e Novorizontino pelas quartas de final do Paulistão foi bastante disputado. Foto: Rebeca Reis/Ag.Paulistão

Como foi o primeiro tempo?

O primeiro tempo foi bastante interessante no MorumBis. São Paulo e Novorizontino não abriram mão da convicção de propor o jogo, estilo que permitiu aos times construírem campanhas idênticas na fase de classificação, alcançando 22 pontos, atrás apenas de Palmeiras e Santos no desempenho geral. As duas equipes buscavam o ataque o tempo todo, o que deixou o confronto bastante agradável de assistir.

Quais foram os principais destaques do jogo?

Neste enredo, o personagem principal da etapa inicial foi Ferreira, ou Ferreirinha, como era conhecido nos tempos de Grêmio. O atacante, primeiro, assumiu o papel de vilão ao permitir o cruzamento de Willean Lepo na cabeça de Rômulo para abrir o placar para o Novorizontino. A redenção chegou pouco depois ao receber lindo passe de Lucas e finalizar no ângulo. Para dar mais dramaticidade ao jogo, o são-paulino saiu de campo lesionado no instante seguinte ao empate.

Intensidade em campo durante o jogo entre São Paulo e Novorizontino. Foto: Rebeca Reis/Ag.Paulistão

O que marcou o desfecho do jogo?

Com o apoio da torcida, o São Paulo avançou ainda mais suas peças no segundo tempo para decidir o jogo sem necessidade dos pênaltis. Como resposta, o Novorizontino recuou um pouco, mas não abdicou totalmente do ataque. Era lá e cá. O goleiro Rafael provou pelo menos em duas finalizações o motivo de ter sido chamado por Dorival Junior para fazer parte do grupo para os amistosos da seleção brasileira contra Inglaterra e Espanha.

A impaciência dos torcedores foi tomando forma ao passar do tempo. Os são-paulinos queriam James Rodríguez em campo. O técnico Thiago Carpini demorou bastante para atender. Rafinha, inclusive, precisou pedir calma quando as vaias começaram nas arquibancadas. O colombiano não resolveu (pouco fez) nos 18 minutos que pôde jogar. A decisão da vaga foi para os pênaltis. Michael Araújo e Diego Costa foram os vilões da eliminação.

SÃO PAULO 1 (4) X (5) 1 NOVORIZONTINO

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

A partida terminou com vitória do Novorizontino nos pênaltis, após empate por 1 a 1 no tempo regulamentar. E você, o que achou desse resultado? Deixe seu comentário e compartilhe suas opiniões sobre o desempenho das equipes. Agradeço a sua participação e interesse!


Por /


广告位火热招租中