Dia tem dados de emprego nos EUA: Quais são as previsões de mercado e o que deve ser observado Fala

广告位火热招租中
O mercado financeiro de todo o mundo está de olho nas notícias vindas dos Estados Unidos nesta terça-feira (2). Uma série de acontecimentos devem agitar a agenda econômica do país, com reflexos nas bolsas de valores e no câmbio. A divulgação do relatório Jolts, que traz dados relevantes de emprego, e as falas de quatro dirigentes do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) devem atrair atenções. Por aqui, o ponto alto são as projeções dos economistas trazidas no Boletim Focus. O mercado financeiro passa por um momento de incertezas por conta da pandemia de coronavírus e de suas consequências econômicas. A inflação é uma grande preocupação, e os investidores ficam atentos a qualquer novidade que possa afetar o comportamento dos preços e dos juros. Neste sentido, a agenda de eventos desta terça é particularmente relevante.

O relatório Jolts

O Job Openings and Labor Turnover Survey (Jolts) é divulgado nesta terça-feira (2), às 11h de Brasília. O relatório mostra os dados de vagas de emprego e de trabalhadores que foram desligados de suas funções, e é considerado um importante indicador para medir a saúde da economia americana. Os números do relatório vão mostrar se o mercado de trabalho realmente está mais aquecido do que o esperado. Caso a resposta seja positiva, isso pode indicar que há mais dinheiro em circulação e, portanto, mais inflação. É importante notar que a inflação é um indicador chave para que os investidores possam avaliar a movimentação das taxas de juros.

As falas dos dirigentes do Fed

Michelle Bowman, diretora do Fed, fala às 11h10 de Brasília. Na sequência, às 13h, John Williams, presidente do Fed de Nova York fala. Já às 13h05, há a expectativa pelas falas de Loretta Mester, do Fed de Cleveland. Por fim, às 14h30, há discurso de Mary Daly, do Fed de San Francisco. As falas dos dirigentes do Fed são sempre aguardadas com expectativa pelos investidores, já que dão pistas importantes sobre a política monetária que será adotada pelo banco central. Como mencionado anteriormente, a inflação é uma grande preocupação no momento, e a posição do Fed em relação aos juros é fundamental para aliviar as pressões inflacionárias.

O Boletim Focus

Publicado semanalmente pelo Banco Central, o Boletim Focus traz as projeções dos economistas para alguns dos principais indicadores econômicos do país. Em sua última leitura, os economistas voltaram a reduzir a previsão de inflação para este ano. Uma nota positiva no Boletim Focus pode ajudar a diminuir as preocupações em relação à inflação e provocar uma reação positiva no mercado financeiro. É importante lembrar que, no contexto atual, o aumento da inflação tem sido uma grande preocupação dos investidores de todo o mundo. A alta do dólar, por exemplo, tem sido atribuída em grande parte à percepção de que a economia americana segue mais forte do que o esperado. E se isso acontece, significa que há mais dinheiro em circulação e, portanto, mais inflação. Dificilmente as taxas de juros devem cair no curto prazo.

Conclusão

O mercado financeiro está em constante movimento e é importante estar atento às notícias e aos eventos que podem afetar os preços e as taxas de juros. Nesta terça-feira (2), as atenções estarão voltadas sobretudo para os Estados Unidos, onde serão divulgados o relatório Jolts e as falas dos dirigentes do Fed. Por aqui, o Boletim Focus pode trazer informações importantes para nortear as decisões dos investidores. Lembre-se de que é fundamental contar com um bom planejamento financeiro e uma estratégia sólida para conseguir obter bons resultados no mercado financeiro. Por isso, mantenha-se informado e não deixe de buscar informações detalhadas sobre os ativos que deseja investir. Aproveite também para deixar nos comentários seus pensamentos sobre as projeções para os mercados financeiros em todo o mundo.


Por /Nathália Larghi


广告位火热招租中